Festival de Etnias será homenageado pela Orquestra Sinfônica do Paraná

Foto: Karin van der Brooke/Teatro Guaíra

Na sua 49.ª edição, o Festival Folclórico e de Etnias do Paraná terá a Orquestra Sinfônica do Paraná na abertura dia 30 (quarta-feira) no Auditório Bento Munhoz da Rocha Netto (Guairão), às 20h30, em Curitiba, quando apresentará o concerto temático em homenagem às etnias. Desde os anos 60, o Festival ocupa os palcos Teatro Guaíra com apresentações diárias de grupos folclóricos das diversas etnias que compõem a população paranaense. Trazem suas danças, cantos e trajes típicos, possibilitando o conhecimento da cultura dos imigrantes.

Como o Festival de Etnias é um dos eventos mais significativos da agenda cultural do Paraná, o Centro Cultural Teatro Guaíra e a Orquestra Sinfônica do Paraná prestam homenagem aos integrantes do Festival com um programa musical que reflete as mais diversas culturas formadoras da sociedade paranaense.

O maestro Alessandro Sangiorgi, que regerá o concerto temático, escolheu obras como as Danças Húngaras, de Brahms; as Danças Eslavas, de Dvorak; A Pantomima e a Dança do Fogo de El Amor Brujo, de De Falla; as Danças Polovetsianas, de Borodin e Dança Negra e Dança Brasileira, de Camargo Guarnieri. São obras de compositores que foram buscar inspiração nas manifestações populares de seus países, nas diversas regiões do mundo.

Segundo o maestro Sangiorgi, algumas das obras que serão apresentadas no concerto são conhecidas do público porque elas fazem parte do repertório erudito de todas as orquestras no mundo. “Escolhemos compositores eslavos, europeus e latinos e, claro, o brasileiro Camargo Guarnieri não poderia faltar nessa seleção musical. Assim, vamos levar ao público um repertório bem variado, alegre e representativo das várias culturas presentes na sociedade paranaense”, diz.

O maestro Alessandro Sangiorgi disse que está orgulhoso em poder reger este concerto em homenagem às etnias. Ele conta que, como italiano em processo de tornar-se cidadão brasileiro, é sempre muito bem recebido por todas as comunidades de imigrantes, tendo sido homenageado, nos últimos anos, por alguns representantes consulares do Paraná. “Além disso, se olharmos os sobrenomes dos músicos que compõem a nossa Orquestra Sinfônica veremos descendentes e representantes de várias origens imigratórias. Assim, este concerto será também em homenagem a todos os paranaenses”. 

Serviço:

Dia 30 (quarta).

Horário: 20h30.

Ingressos: No dia do Concerto: Plateia R$30,00, 1º e 2º balcões R$ 20,00

(Desconto de 50% com o Cartão Teatro Guaíra e Carteirinha do Professor).
Compartilhe no Google Plus

Publicidade