Centro de Convenções abriga congresso e festival neste mês

O Centro de Convenções de Curitiba
O Centro de Convenções de Curitiba traz neste mês o Congresso Internacional de Altas Habilidades, de 13 a 17, e planeja ampliar atuação com sua reestruturação. “O calendário movimentado neste ano é resultado do esforço conjunto, entre Governo do Estado e iniciativa privada, para o aproveitamento do espaço que faz parte da história de Curitiba e tem localização central para atrair eventos importantes”, afirma o diretor-presidente do Centro, Luiz Alberto de Paula Lenz César.
 A ampliação de parcerias com rede hoteleira, com secretarias estaduais e autarquias, as reformas da fachada, das poltronas, das salas de apoio, ar condicionado, troca de pisos, internet, foram algumas das melhorias que contribuiram para aumentar a procura por parte dos promotores de eventos. 
“Realizamos reuniões com diversos setores da sociedade para ouvi-los e a partir daí avaliar o mercado e melhorar o que precisa, além de apresentar a eles os nossos projetos”, complementa o administrador. Segundo Lenz César, o gerenciamento das ações tem o apoio da Fundação Getúlio Vargas, cuja parceria tem mostrado resultados na modernização estrutural do Centro de Convenções. 
Luiz Alberto de Paula Lenz César
CONGRESSO – O Congresso Internacional de Altas Habilidades será direcionado à educação especial e deverá atrair público de 3 mil pessoas. Em seguida, o Centro de Convenções recebe o Festival da Canção de Curitiba, que deverá reunir cerca de 6 mil pessoas.

“Analisamos a possibilidade de resgatar a imagem do antigo Cine Vitória, promovendo semanas de filmes que foram sucesso de projeção no local. Vamos lançar em novembro a ‘Calçada da Fama’, assim como, elaborando um novo projeto, o de transformar o CCC num estádio virtual durante a copa de 2014”, adianda Lenz César. “Atualmente, as palavras de ordem são agilidade e modernização para colocar o Centro de Convenções na rota dos grandes eventos nacionais e internacionais”.
CAPACIDADE - O Centro de Convenções está localizado no centro de Curitiba, possui capacidade para abrigar 1.374 pessoas no seu principal auditório, o Paraná, que pode ser dividido a partir de um sistema arquitetônico, que o transforma em quatro auditórios menores, com a possibilidade de utilizá-los simultaneamente. Possui três áreas de exposições e salas de apoio que também foram revitalizadas. O espaço é destinado à realização de congressos, convenções, seminários, formaturas, entre outros eventos.

No novo Centro de Convenções apenas o piso em parquet e algumas peças da decoração e do mobiliário recordam o seu passado glorioso como Cine Vitória (1963), o cinema com maior capacidade de público da capital na época. O local foi inovador nos equipamentos e trouxe à cidade atores famosos internacionais como Antony Perkyns e Janeth Leigh e nacionais como Jece Valdão, Vanja Orico, Anick Malvil e Reginaldo Farias, numa cerimônia de entrega de prêmios, na quinta edição do Tribunascope. 
Em 1986, o prédio foi adquirido pelo Governo do Estado do Paraná com a finalidade de se transformar em Centro de Convenções. Em 10 de março de 1991 foi inaugurado como um novo centro de eventos na capital, com a apresentação do pianista Pedrinho Mattar. Transformou-se numa sociedade anônima, cujo sócio majoritário é o governo, sob a coordenação da Paranatur. Mais informações podem ser obtidas pelo site www.ccc.pr.gov.br
Fotos: Arnaldo Alves / AENotícias.
Compartilhe no Google Plus

Publicidade