Projeto que une cultura e tecnologia discute ideias para o museu do século 21


Concebido com o propósito de estabelecer pontes entre a cultura, a arte e a tecnologia, o projeto Sesi Cultura Digital abriu dia (7), no Museu de Arte do Rio (MAR), na revitalizada Praça Mauá, sua terceira edição, que vai até o próximo domingo (11). É a primeira vez que o evento é feito em um museu e a escolha do espaço está relacionada ao próprio tema desta edição: como devem ser essas instituições no século 21.

Feita na Escola do Olhar, o amplo espaço do MAR dedicado à integração entre arte e educação, a programação terá palestras, debates, workshops, performances audiovisuais e uma maratona hacker. Todas as atividades são gratuitas.

Na abertura do evento, no início da noite desta quarta-feira, o público pôde assistir a uma apresentação do artista digital Henrique Roscoe, que com um instrumento que ele mesmo construiu, propõe uma reflexão sobre o aquecimento global. Apesar das performances, o Sesi Cultura Digital não se propõe a ser um espaço expositivo de obras artísticas. “A arte entra no evento como tema de aprendizado, de como usar a tecnologia na criação de obras”, explica o coordenador do projeto, Ivan Pinto.

Segundo Pinto, o objetivo é discutir o impacto da inovação em todo o panorama da aprendizagem, a começar pela educação formal.  Esse é o tema em debate amanhã (8), a partir das 17h, quando os educadores Cláudio Sassaki, da Geekie, e Anna Penido, do Instituto Inspirare, vão mostrar como a crescente dependência dos meios digitais vêm alterando a relação aluno-professor e as diversas possibilidades de construção de conhecimento. Na sexta-feira (9), a programação será dedicada à cultura maker, isto é, o fazer com as próprias mãos.

“A tecnologia hoje permite à pessoa criar ou customizar seu próprio instrumento de trabalho, adaptando-o ao tipo de serviço que deseja executar. É o caso, por exemplo, das impressoras 3D. Muitas coisas poderão ser criadas em casa, em vez de compradas em uma loja”, diz Pinto. Os participantes do Sesi Cultura Digital terão a oportunidade de aprender, por exemplo, sobre a criação e a prototipagem de projetos de eletrônica que podem ser aplicados em automação residencial.

No sábado (10), o evento vai tratar, especificamente, do tema Museu do Século 21. “Vamos discutir as novas maneiras de disponibilizar os acervos dos museus na internet, que não sejam apenas uma galeria de fotos das obras e o uso das novas tecnologias para produzir conteúdo”, diz o coordenador do projeto.  As questões que envolvem o conceito do que deve ser um museu nos dias de hoje, em que já não basta popularizar o acesso a essas instituições, serão debatidas a partir das 10h30 pelos especialistas Luiz Marcelo Mendes, Daniel Morena, Felipe Lavignatti e André Deak, os dois últimos realizadores do projeto Arte Fora do Museu.

Para encerrar o evento, a programação do domingo (11) é voltada para o público infantil. Na véspera do Dia das Crianças, os pequenos poderão participar, junto com os pais, de atividades de robótica e construção de bonecos animados.

Durante todos os dias do Sesi Cultura Digital, uma atividade competitiva movimento o evento, a Hackathon (maratona hacker). A competição reúne grupos de artistas e inventores, que concorrem a prêmios de R$ 10 mil, R$ 8 mil e R$ 6 mil, respectivamente, para primeiro, segundo e terceiro colocados. Este ano o desafio é desenvolver aplicativos, jogos ou dinâmicas que ajudem a enriquecer a experiência de visitação a espaços culturais.

“O hacker aqui é no bom sentido da palavra. São as pessoas, a cultura das pessoas que tem a curiosidade de criar coisas novas no campo digital. Os 50 participantes têm total liberdade de criação, de formar seus grupos para criar soluções digitais para o museu do futuro”, diz Ivan Pinto.

A programação completa do evento está disponível no site www.firjan.com.br/sesiculturadigital

A performance do artista digital Henrique Roscoe alucinou o público no lançamento do SESI Cultura Digital 2015, no Museu de Arte do Rio! Foto: Ana Flavia Pedrosa

Compartilhe no Google Plus

Publicidade