Moto do futuro tem dispositivo que impede queda





Em um teste, um jipe puxou lateralmente o
protótipo, que mesmo assim não tombou

A empresa Lit lançou o protótipo C1, que apesar de ter apenas duas rodas, tem um dispositivo que impede o veículo de tombar.

Com um giroscópio, que também foi usado no telescópio Hubble e na estação espacial internacional, a moto fica estável mesmo parada sobre duas rodas.
O criador Daniel Kim diz que o C1 é uma mistura de carro e moto. "Nos Estados Unidos, 70% das pessoas andam sozinhas no carro, então, faz sentido se cortar o veículo na metade", argumenta.


Com 40 centímetros de largura, o C1 tem grande mobilidade em cidades e faz de 0 a 60 km/h em seis segundos.

O preço inicial do protótipo é de 24 mil dólares, cerca de 48 mil reais, mas o valor pode cair pela metade, se ele for produzido em larga escala.

O grande foco dos engenheiros é o mercado asiático, onde por conta de custos menores, o veiculo pode ser fabricado por cerca de dez mil reais.
Compartilhe no Google Plus