Casa tradicional de Curitiba é transformada em hostel


Área de convivência reúne cozinha (ao fundo), sala de jantar e sala de estar. Fotos: Venâncio Filho /Divulgação

Uma das casas mais antigas da cidade foi completamente restaurada e transformou-se em um hostel moderno e acolhedor



GAZETA DO POVO - CURITIBA -Inaugurado em abril deste ano, o Hostel Matilda, no bairro São Francisco, foi instalado em uma das casas mais antigas da cidade, construída em 1903, na Rua Treze de Maio. 

A antiga estrutura do espaço foi mantida, mas o imóvel precisou ser totalmente restaurado. Muitas paredes, inclusive, tiveram de ser reerguidas com estrutura de ferro, pois estavam quase caindo.


O projeto de restauro ficou por conta do Grupo Frade Arquitetura e Engenharia e o projeto arquitetônico é de Juliano Monteiro. A proposta mantém características originais da casa, entre elas a pintura em algumas paredes, as portas e os tijolos à mostra na escadaria. Ao mesmo tempo, a decoração é moderna, leve e jovial.


Tudo foi escolhido pessoalmente pela proprietária Rafaella Mózena, que morou em Barcelona por dois anos e meio e quis criar em Curitiba um espaço não só de hospedagem, mas também de realização de eventos culturais e gastronômicos.

Conheça um pouco da casa:

Varanda do Hostel Matilda, em Curitiba
O hostel conta com suítes, como essa, além de quartos compartilhados
No quarto compartilhado, a pintura original da casa foi encontrada embaixo de 11 camadas de tinta

A escadaria de ferro é nova, mas em todo o ambiente há tijolos originais à mostra. Algumas portas e janelas também foram restauradas
Cozinha aberta é simples e acolhedora
Fachada do novo hostel mantém as características da casa de 1903

Compartilhe no Google Plus